GELNE - Grupo de Estudos Linguísticos do Nordeste

Mestrado e Doutorado no Nordeste

Mestrado


Investigações centradas no diálogo entre literatura, memória e cultura a partir da interação entre a literatura e outros sistemas semióticos, em especial música, cinema e manifestações da arte popular, bem como das relações entre a produção e recepção das obras literárias, ficção e história, e questões de gênero.

Linhas de Pesquisa

1 – Literatura e Outros Sistemas Semióticos

Estudos teóricos e críticos de obras literárias e suas relações comparativas com outros sistemas estéticos e culturais.

2 – Literatura, Memória e Relações de Gênero

Estudos da recepção literária, das fronteiras entre ficção e história e das relações de gênero, com ênfase no contexto regional, visando registrar e preservar a memória cultural.


Doutorado


ESTUDOS LINGUÍSTICOS

Linhas Pesquisa:

1- Descrição, análise e usos linguísticos

2- Linguagem: identidade e práticas sociais

ESTUDOS LITERÁRIOS

Linhas Pesquisa:

1- literatura e cultura

2- literatura e recepção


Mestrado


ESTUDOS LINGUÍSTICOS

Linhas Pesquisa:

1- Linguagem: identidade e práticas sociais:

ESTUDOS LINGUÍSTICOS-           tomando por premissa que a produção de linguagens significa produzir sentidos num diálogo entre os fenômenos linguísticos e os processos sócio-históricos, esta linha de pesquisa reúne projetos em que estudos teóricos e empíricos sobre os usos da linguagem, nas mais diversas manifestações e em seus diferentes contextos multiculturais, ideológicos e identitários, são empreendidos, respeitando-se suas alteridades a partir de diferentes perspectivas teóricas, e em suas interfaces linguagens, discurso e sociedade.  

2- Descrição, análise e usos linguísticos: o objetivo dessa linha de pesquisa é reunir projetos que contribuam para a descrição e análise linguística em contextos sociais de usos de diferentes olhares teóricos, envolvendo diferentes níveis de análise da língua, do fonológico ao textual-discursivo, nas modalidades oral e escrita, sejam sincrônicos ou diacrônicos.   

3- Descrição, leitura e escrita da língua portuguesa                   

ESTUDOS LITERÁRIOS

Linhas Pesquisa:

1- Literatura e cultura: esta linha de pesquisa considera as especificidades da literatura à luz das diversas manifestações culturais, desde outras áreas do conhecimento e as relacionadas a outras expressões artísticas, passando pela indústria cultural e tocando em produtos mais populares e artesanais. Também considera as diversas formas com que o humano se coloca em termos comportamentais e que se refletem nos textos literários na atualidade e em outros momentos históricos       

2- Literatura e recepção: esta linha de pesquisa estuda aspectos teóricos relacionados à crítica e à historiografia literárias, valorizadas desde sempre. Mas considera igualmente aspectos teóricos relacionados às teorias da leitura e do leitor de textos literários, nem sempre valorizadas. Para tanto, volta-se para os estudos teóricos da leitura e do leitor desde a estética da recepção e do efeito até as teorias contemporâneas que consideram, inclusive, a subjetividade do leitor real.


Mestrado


ESTUDOS DE LINGUAGEM

Linhas de pesquisa:

1- Linguagem e discurso: análise e variação:Estudo do funcionamento da gramática do português nas dimensões da sintaxe, da semântica e da pragmática assim como o estudo da atividade de linguagem sob a perspectiva da construção textual, discursiva e filosófica.

2- Gramática e léxico: descrição e ensino: Esta linha de pesquisa visa descrever o funcionamento da língua em uso, subsidiada por abordagens teóricas enunciativas, assim como também em perspectivas lexicográfica e historiográfica

3- Texto, discurso e gêneros como práticas sociais: Esta linha de pesquisa visa investigar os usos e os modos de funcionamento da linguagem em contextos sociais autênticos, procurando explicar os modos de construção de sentidos em sua correlação com os padrões de organização da linguagem em textos, discursos e gêneros.    

4- Variação/diversidade linguística, oralidade e letramentos: Nessa linha de pesquisa investigam-se manifestações e/ou atividades linguísticas de oralidade e de letramentos como práticas sociais, para descrição e análise em processos interativos do cotidiano, em geral, bem como na escola, a fim de caracterizar e explicar estratégias de comunicação e de interação peculiares aos diversos contextos socioculturais das comunidades sociais. Também é objetivo dessa linha de pesquisa investigar e desenvolver atividades que visem à adequação da escola à comunidade a que atende, no que diz respeito à atuação linguística/comunicativa por meio de intervenção pedagógica. Esta linha de pesquisa visa, então, a congregar os estudos sobre variação linguística, letramentos e oralidade, contemplando abordagens teóricas e aplicadas relacionadas com temas relativos aos letramentos, às competências leitoras, ao funcionamento da língua, ao ensino de línguas e à variação linguística, todoscontextualizados na realidade sociocultural. O enfoque didático-metodológicoamplia-se aos diversos segmentos de ensino, sob uma perspectiva interdisciplinar

ESTUDOS LITERÁRIOS

Linhas de pesquisa:

1-Literatura, cultura e sociedade: Estudo dos fenômenos literários compreendidos como processos inseridos em contextos culturais e sociais.


Mestrado


Área de Concentração: Linguagens e Sociedade

Descrição: Estudos da linguagem e seu funcionamento em diferentes práticas sociais, com foco na análise dos mecanismos de produção de sentidos que se materializam em gêneros textuais/discursivos e em múltiplos fenômenos de linguagem.

Linhas de Pesquisa:

1- Estrutura e funcionamento da linguagem

Estudos de fatores responsáveis pela estruturação e funcionamento da linguagem em contextos de uso de línguas, observando mecanismos linguísticos e/ou discursivos que possibilitem abordagens em diversas perspectivas teórico-metodológicas.

2 - Linguagens e práticas sociais

Estudo dos mecanismos de produção de sentido em diferentes práticas sociais de manifestação da linguagem, observados em sua dimensão sociohistórica, cultural e estética. Assim, interessa-se pela análise dos processos de significação e suas materialidades em diferentes gêneros textuais/discursivos e práticas sociais.


Mestrado/Doutorado


Área de Concentração: Estudos do Discurso e do Texto  

Estudos sobre o discurso e o texto em diversas práticas discursivas, sob múltiplas abordagens teóricas, numa perspectiva interdisciplinar de construção do conhecimento na área da linguagem, em que os textos, como materialização dos discursos, possibilitam a investigação em diversos campos discursivos.         ideias para fazer dinheiro

Linhas de Pesquisa:

1-Discurso, memória e identidade: Esta linha articula pesquisas que relacionam discurso, memoria e identidade, investigando a produção de sentidos em diferentes campos discursivos, em diversos contextos sócio-históricos de produção, circulação e recepção de ideias para fazer dinheiro

2- Texto e construção de sentidos:Articula pesquisas sobre os fatores responsáveis pela produção de sentidos no texto, considerando os elementos envolvidos na produção e na recepção, com vistas a oferecer contribuições ao ensino do texto.

3- Texto literário, crítica e cultura: Articula pesquisas no âmbito dos estudos literários, em diferentes abordagens, abarcando tanto o estudo do texto literário enquanto objeto estético quanto a sua relação com outras formas de produção cultural.


Mestrado/Doutorado


Área de concentração: Literatura e Estudos Interculturais

 Linhas de Pesquisa:

1-Literatura, Memória e Estudos Culturais: Estudo do texto literário observando como este veicula formações identitárias, sobretudo de gênero, etnia e classe social, bem como experiências de vida e memória, individual e coletiva, refletindo sobre as relações de poder implicadas em tais formações, com especial interesse pelas formas de diálogo entre as literaturas erudita e popular.

2- Literatura e Hermenêutica: Estudo do texto literário em suas complexas relações com outros saberes, tais como o mito, a religiosidade, a psicanálise e a filosofia, visando compreender como os diversos gêneros da poesia, da narrativa e do drama representam estas relações e a busca pela compreensão da condição humana nestes saberes.

3- Literatura Comparada e Intermidialidade: Estudo das relações entre diferentes literaturas, das formas de diálogo numa mesma tradição literária nacional e das interações entre literatura e outras artes e literatura e outras mídias, bem como entre as culturas erudita, de massa e popular.


Mestrado


Área de concentração: Literatura e Diversidade Cultural

Linhas de Pesquisa

1- Poéticas e Narrativas Modernas e Contemporâneas: Embasada por disciplinas que repensam as teorias da literatura em associação com outras ciências da linguagem, promove a pesquisa sobre textos literários considerados a partir dos marcos históricos da modernidade até a atualidade, problematizando as noções de gêneros literários em contraponto a outros gêneros discursivos, a partir de temas, autores e obras.

2- Literatura, Memória e Representação Identitárias: Embasada por disciplinas que articulam os estudos literários com os campos da história, antropologia, cultura e outras ciências das linguagens atualizam as discussões em torno de noções de identidades e diferenças, formações nacionais, regiões geográficas e imaginárias.


Mestrado


Linhas de Pesquisa

1-Literatura, Produção Cultural e Modos de Vida: Estudo de representações literárias e dos modos de produção das minorias e comunidades periféricas, bem como dos modelos historiográficos, teóricos e críticos que fundamentam sua interpretação, problematizando formas, suportes, métodos, formações discursivas e embates epistemológicos.

2-Letramento, Identidades e Formação de Educadores: Estudo de linguagens, processos de letramento e formação de professores, a partir da perspectiva étnico-racial, de gênero, sexualidades, classe, considerando os sentidos de políticas públicas, deslocamentos e repercussões nas práticas educativas e na sociedade


Mestrado


Área de Concentração: Linguagens: práticas e contextos

Linha de pesquisa:

1-Leitura, Literatura e Identidades: A produção de conhecimento que articule Leitura, Literatura e Identidades desafia os pesquisadores para enfrentar, de imediato, a problemática de natureza epistemológica que sustentou historicamente uma produção hoje consagrada e legitimada pelo campo da literatura. Ao lado desse enfrentamento, deve fazer emergir deslocamentos de discursos que acolham a diversidade de produções que estiveram à margem do que a estética da modernidade definiu como literário e artístico. Nessa perspectiva, as atividades de leitura/recepção ocupam um espaço privilegiado de reconhecimento da multiplicidade de expressões identitárias, que trazem as marcas das suas fronteiras e dos trânsitos que operam no processo de alteridade. Por essa lente, a linha de pesquisa em Leitura, Literatura e Identidades privilegia o estudo das produções literárias e produções de linguagens marginadas e desqualificadas em relação às práticas culturais hegemônicas. Investiga as trajetórias de leitura numa perspectiva sociológica, das representações e estética da recepção.

2-Linguagens, Discurso e Sociedade: O desafio posto para produzir conhecimento que relacione Linguagens, Discurso e Sociedade implica na problematização dos pressupostos clássicos sobre a relação entre língua, linguagem e discurso e aponta pistas para o avanço da compreensão dessa complexa relação, que não se restringe a transmissão de mensagens, mas, sobretudo, passa pela via do controle, seleção e reorganização do poder na sociedade. Posto assim, esta linha de pesquisa contempla projetos na área de estudos retóricos e processos argumentativos, na perspectiva da análise do discurso, das práticas discursivas e diversidade linguística, tendo como horizonte comum a visão de linguagem como uma prática que envolve atores sociais, em interação discursiva, e o grupo a que pertencem.


Mestrado


Área de concentração: Linguagem e Interação

Linhas de Pesquisa

1-Linguagem, Tecnologia e Ensino: Esta linha de pesquisa tem como objetivo estimular projetos e congregar estudos sobre multiletramentos e ensino de línguas, abordando continuidades e transformações nos modos de interagir, de ler/escrever, de pesquisar e de ensinar numa sociedade cada vez mais em rede. Investiga a compreensão e a produção do texto em diferentes contextos de uso e de época, modalidades, interfaces e mídias, focalizando gêneros impressos e digitais. Os estudos desenvolvidos no âmbito desta linha consideram a multiplicidade cultural, linguística e discursiva, as relações letramento/tecnologia e as esferas educativas, incluindo o trabalho docente, as propostas pedagógicas e os recursos instrucionais.

2-Multilinguagem, Cognição e Interação: Esta linha de pesquisa tem como objetivo investigar as relações entre linguagem e cognição sob três perspectivas complementares em ambientes multilíngues. Do ponto de vista da linguagem como fenômeno intersubjetivo, pesquisa processos de aprendizagem e desenvolvimento da linguagem (língua materna, línguas adicionais e outras linguagens) e de tradução (interlinguística, intralinguística e intersemiótica). Do ponto de vista da linguagem como conhecimento gerado na interação, pesquisa processos de produção e de interpretação de sentidos e seus efeitos para diferentes usuários da linguagem em situações concretas de uso. Do ponto de vista da linguagem como sistema (re)criado na interação, pesquisa variação e mudança de regras de uso, levando em conta a comparação entre línguas consideradas naturais e precisamente delimitadas.

3-Estudos Críticos da Linguagem: Esta linha tem como objetivo gerar conhecimento sobre as operações ideológicas do discurso e as relações de poder nelas implicadas. Volta-se, portanto, para o estudo de fenômenos interacionais de (re)produção / manutenção / problematização / ressignificação de sentidos naturalizados. Volta-se também para processos de negociação identitária, focalizando processos intersubjetivos 1) de posicionamento social, 2) de atribuição de valores à relação identidade-diferença, e 3) de hierarquização e construção de assimetrias.


Mestrado


Área de Concentração: Teoria Literária

Linhas de pesquisa

1-Literatura e Subjetividade: A linha de pesquisa investiga projetos que abordam a literatura e suas potências de subjetividades, entendidas como escopos para interpretar e dialogar com diferentes áreas de conhecimento. O objetivo, portanto, é evocar outras possibilidades de arranjos narrativos, poéticos e dramáticos, bem como novas combinações que abarquem as articulações da literatura com outras artes e mídias. Dessa forma, os projetos propostos poderão se articular com diferentes campos do pensamento humano: a interpretação poética; a narratividade e possíveis desdobramentos; a inscrição do sujeito na contemporaneidade; a literatura e a história; a literatura e a psicanálise; a literatura e a sociologia; a literatura e outras artes e a literatura e outras mídias.

2-Literatura, Memória e Cultura: A linha de pesquisa acolhe projetos que investigam a Literatura como fenômeno histórico, cujos desdobramentos possibilitam estabelecer diálogos e instaurar novas significações à identidade, cultura e memória. Para abordar o entrelaçamento entre memória e relações sociais a partir do literário. Os projetos poderão articular-se em torno dos seguintes eixos: Literatura, cultura e formação social; Literatura e memória; Literatura e Identidade; Literatura Infanto-juvenil e oralidade; entrecruzamento do texto histórico e literário.


Mestrado


Linhas de pesquisa

1-Literatura e Cultura: Representações em perspectiva interdisciplinar

Descrição: Reflexões sobre a linguagem em processo interacional, levando-se em conta suas dimensões artísticas, culturais, literárias e midiáticas.

2- Língua/Linguagem em perspectiva interdisciplinar

Descrição: Estudos da língua/linguagem, de seus usos e suas práticas sociais, a partir de abordagens teórico-metodológicos interdisciplinares características da Linguística Aplicada e da Análise do Discurso.


Mestrado


Área de concentração:Cultura, Educação e Linguagens

LINHAS DE PESQUISA

1- Linguagens e Práticas Sociais

O desenvolvimento recente da História cultural suscitou o aparecimento de novas tendências teórico-metodológicas, amparadas no contributo dos vários campos da Ciências Humanas, da Linguística e da Psicologia Social. Ampliou-se ao limite do inimaginável o conceito de objeto histórico e a noção de fonte histórica e, contra a ideia tradicional de cultura de uma época, de um espírito do tempo, afirmaram-se o princípio da diversidade cultural, a associação entre níveis de cultura e grupos sociais e a ideia de circularidade de culturas. O conceito restritivo de cultura – que toma como objeto e fontes apenas as manifestações artísticas e literárias das elites – foi confrontado pela heterogeneidade dos produtos culturais e pela associação entre a produção social e as contradições sociais inerentes aos períodos históricos. É preciso reconhecer a extrema diversidade da produção, dos hábitos e dos modelos culturais que circulam na sociedade e que são recebidos, compreendidos, de diferentes formas, nos diferentes meios. Para além dos objetos e produtos culturais, a noção de cultura passou a abarcar, também, valores, práticas culturais e representações. Como objetos privilegiados de estudo, a suscitar importantes pesquisas empíricas e uma ampla produção bibliográfica de natureza transdisciplinar, estão as múltiplas linguagens que, em diversos contextos, em diferentes suportes e sob variadas formas de expressão, se afirmam como práticas sociais relevantes para os estudos das Ciências Sociais e de Humanidades. É para esta perspectiva que se volta a linha de pesquisa Linguagens e Práticas Sociais, para a investigação e produção de conhecimento, a partir de uma abordagem multidisciplinar, tendo como escopo os objetos e práticas culturais, valores e representações associados às múltiplas linguagens humanas dispostas em diacronia ou na profundidade sincrônica de sua base social, cultural, ideológica.

2- Linguagens e Educação

A linha de pesquisa Linguagens e Educação constitui-se em um espaço para se investigar questões atinentes ao ensino e aprendizagens de línguas, intercaladas com a cultura da sala de aula, lançando mão de investigação etnográfica para aprofundar e gerar conhecimentos científicos nas inter-relações entre linguagem, cultura e práxis pedagógica. Busca estabelecer modelos de investigação científica de natureza interdisciplinar, afirmando esse caráter nas Ciências da Educação e da Linguagem, polemizando sobre a reflexão dos fundamentos epistemológicos da pesquisa nessa articulação do objeto entre linguagem e educação. A área delimita seus estudos em linguagens e práticas discursivas, ensino e aprendizagem de línguas, modos de enunciação e circulação de textos na sociedade letrada.


Mestrado/Doutorado


Linhas de Pesquisa

1-Crítica e processos de criação em diversas linguagens

Duas vertentes de estudos são contempladas: a Crítica Textual Moderna e a Crítica Genética. A Crítica Textual Moderna se ocupa do estabelecimento do texto de autor moderno ou contemporâneo (textos éditos ou inéditos), buscando o que teria sido a última vontade do autor. A Crítica Genética, por sua vez, se debruça sobre o processo de criação do texto de autor (moderno ou contemporâneo), buscando demonstrar qual teria sido o caminho percorrido na construção de sua obra.

2-Documentos da memória cultural

Integra pesquisas que exploram interseções entre literatura, cultura história e política, englobando vertentes diferenciadas de estudos de expressões identitárias, em perspectiva nacional, transnacional ou dos segmentos minoritários, bem como da organização e leitura crítica de acervos documentais e literários.

3-Estudos de tradução cultural e intersemiótica

Depois que Roman Jakobson discriminou e definiu três tipos possíveis de tradução – a intralingual, a interlingual e a intersemiótica – os estudos dessa área passaram a expandir suas fronteiras para além da conhecida prática escrita de conversão de uma língua para outra. A partir da década de 60, do século XX, os diálogos entre artes passaram a ser incluídos no âmbito da tradução entre diferentes sistemas de signos – a tradução intersemiótica – contemplando, por exemplo, traduções do texto literário para o cinematográfico, do teatro para os quadrinhos, dentre outras possibilidades. A consciência de que o processo de tradução ocorre a partir de um outro lugar de fala, resulta de jogos de interpretação, apropriação, deslocamento de uma ideia de origem, derivando na reescrita de um texto, que não será idêntico àquele que o originou, já que conterá as marcas do tradutor, gerou o reconhecimento de que o tradutor não é uma tabula rasa e que, portanto, deixará, de alguma forma, suas marcas no texto que traduz e ressignifica. Assim, as pesquisas conduzidas nesta linha contemplam as análises de traduções intersemióticas e/ou interlinguais de textos literários, tomando como ponto central de observação questões relativas à cultura.

4- Estudos de teorias e representações literárias e culturais

Estudos que empreendem uma reflexão sobre pressupostos teóricos efetivados no século XX e XXI e analisam representações poéticas e ficcionais do referido século,considerando-se os contextos em que se inserem, atentando-se para diversidade de entrecruzamentos de ícones artísticos e culturais e para o jogo de imagens que movimentam as representações diversas de uma cultura, dentre elas as operacionalizadas pela literatura.


Mestrado/Doutorado


Literatura, Teoria e Crítica

Linhas de pesquisa

1-Estudos Culturais e de Gênero

Propõe-se enfatizar a relação entre gênero/sexualidade e outras categorias da diferença, comoclasse, raça e etnia, a partir das críticas e teorias feministas e culturais. As pesquisas buscamrefletir sobre os desafios implícitos ao debate sobre as assimetrias de poder entre sujeitos,discursos e textos diferentemente posicionados, bem como sobre as contribuiçõesepistemológicas dos estudosfeministas e pós-coloniais para o campo literário. Nosso enfoque,atento às múltiplas perspectivas culturais, busca questionar e, se possível, romper com visõesunilaterais, porque dominantes, do que seria autoria, sujeito e literatura.

2-Leituras literárias

A linha desenvolve projetos de pesquisa que investigam a relação literatura e ensino sob osenfoques da leitura literária, da formação do leitor, da formação docente e da didática daliteratura. Interessam, igualmente, estudos da literatura como fenômeno histórico, cujaspráticas são veiculadas em várias fontes e materiais de leitura.

3-Poéticas da subjetividade

A linha envolve projetos que se dedicam a explorar o subjetivo, a partir do viés psicanalítico e asubjetividade poética em seus desdobramentos históricos, teóricos e críticos. Na primeiraperspectiva, objetiva-se investigar textos literários de qualquer gênero e historicidade, tendoem vista as tendências teórico-críticas da área. Na segunda, propõe-se discutir as diferentesabordagens que cercam o sujeito lírico e como elas refletem as subjetividades históricas.

4-Tradição e Modernidade

Estudo das relações entre as manifestações literárias do passado e do presente, a permanênciade traços constitutivos dos gêneros literários e a ressonância de estéticas pretéritas naliteratura moderna e contemporânea, bem como em produções pós-coloniais. Destacam-seprocedimentos formais e/ou temáticos que evidenciem interdependência, vínculos histórico-culturais ou indícios de continuidade entre a literatura de ontem e de hoje em textosnarrativos e dramáticos.

Literatura, Cultura e Tradução

Linhas de pesquisa

1-Estudos Clássicos

Estudo dos autores de Língua Grega e Língua Latina da Antiguidade Clássica na sua línguaoriginal. Esta linha de pesquisa tem como objetivos: promover a capacitação dos professoresde Línguas Clássicas, bem como a produção de edições bilíngues, para uso em sala de aula;verter para o vernáculo obras cujas traduções são antigas, incompletas ou inexistentes.

2-Estudos Medievais

Estudo de obras literárias produzidas no medievo, com ênfase no período da Baixa IdadeMédia. Busca-se produzir novos conhecimentos relacionados à Idade Média com o propósitode desconstruir concepções reducionistas acerca do período que equivocadamente ficouconhecido como “Idade das trevas”. Para tal propósito, sem desprezar o estudo de obrascanônicas, as pesquisas priorizarão a produção medieval que ficou à margem do cânone daHistória da Literatura Ocidental, a exemplo de obras escritas por mulheres.

3-Tradução e Cultura

Nesta linha, o conceito de tradução será abordado como prática social indissociável doscontextos histórico, cultural, político e econômico em que os processos tradutórios sãoproduzidos e circulam. A linha tem ainda como propósito desenvolver projetos de pesquisacom foco no diálogo entre literatura, cinema e outras mídias, considerando-se o contexto deadaptação, mas também para além dele.

4-Estudos Semióticos

A linha reúne projetos que têm como apoio teórico concepções semióticas, desde as filosóficasàs discursivas, aplicadas à análise de textos literários. Evidenciam-se, também, astransculturações semióticas processadas interlínguas/código (português/libras/braile) eintermodalidades (oralidade/sinalização e escrita) e intergêneros (da literatura ao espetáculo).


Mestrado


Áreas de Concentração: Estudos Literários /Estudos Linguísticos

Linhas de Pesquisa

1-Ensino de literatura e formação de leitores:

Fundamenta-se em duas importantes vertentes da reflexão sobre literatura e seu ensino: umacom os pressupostos e os procedimentos analíticos aplicados ao texto literário em línguamaterna ou estrangeira (traduzida ou não) e outra aos estudos sobre metodologia do ensinodas literaturas. A primeira vertente orienta a análise e a interpretação produzidas a partir dainteração entre a tradição da crítica literária e as práticas pedagógicas vivenciadas nos espaçosescolares e a segunda pretende contribuir para a formação de leitores do texto literário compossibilidade de mudança de seus horizontes de expectativa.

2-Práticas leitoras e diversidade de gêneros literários:

Apresenta como objeto o estudo das práticas de simbolização e ampliação da linguagemliterária através dos processos de atualização e reatualização de textos literários. Fundamenta-se nos pressupostos da Crítica, apoiando-se nos Estudos de Cultura, nos modelos de análise deimagens verbais e não verbais e nos métodos de análise textual. A linha congregainvestigações acerca das formas de produção e circulação da obra literária e suas práticas deleitura e de retextualização registro de gêneros literários em diversas realizações verbais evisuais.

3-Ensino de línguas e formação docente:Investiga questões relativas a fenômenos linguísticos vinculados ao ensino de línguas bemcomo questões relativas aos processos e percursos de formação docente para o ensino delíngua materna ou estrangeira. Interessa-se por temas referentes a transposição didática,materiais didáticos, sujeitos e contextos de ensino, identidade, saberes, trabalho eprofissionalidade. Do ponto de vista teórico, esta linha relaciona-se aos estudos em LinguísticaAplicada vinculados a outros campos de saber cuja contribuição subsidie investigações sobreas práticas de linguagem implicadas nos objetos focalizados.

4-Práticas sociais, históricas e culturais de linguagem:

Investiga as práticas de linguagem em contextos sociais, históricos e culturais diversos,focalizando, principalmente, as relações entre linguagem e cultura, linguagem e discurso elinguagem e tradução. As práticas de linguagem são pensadas enquanto processos simbólicosde constituição e representação de sujeitos e sentidos, de construção e reconstrução deidentidades e memórias, considerando a multiplicidade das linguagens e das línguas e suasdiferentes materialidades. Teoricamente a linha se apoia em pressupostos dos campos dosEstudos do Discurso, da Tradução e da Cultura.


Mestrado/Doutorado


Área de concentração: Linguística

Linhas de pesquisa

1-Descrição e análise estrutural e histórica de línguas

Estudos sincrônicos e históricos dos níveis fonológico, morfológico, sintático, lexical e textualde línguas naturais em diferentes perspectivas teóricas, com ênfase no português do Brasil enas línguas indígenas. Estudos sobre variação, tipologia e contato linguístico.

2-Análises do Discurso

Estudos do discurso que se dedicam à investigação dos sentidos em diferentes perspectivasteóricas: análise dialógica, análise crítica e análises de discurso de linha francesa. Essa linhareúne projetos que, partindo da materialidade linguística, discutem a produção e a circulaçãodos discursos em diferentes esferas e nas relações sociais de trabalho, considerando a relação constitutiva entre linguagem, sujeitos, ideologia, história na produção de sentidos.

3-Estudos textuais-discursivos de práticas sociais

Investigação dos processos interacionais envolvidos nas práticas sociais e análise dasestratégias mobilizadas no processamento textual-discursivo, tendo em vista a construção dosentido. As pesquisas adotam posições teóricas complementares, tais como a perspectiva dalinguística de texto, análise crítica do discurso, teorias dos gêneros textuais, funcionalismo esociointeracionismo discursivo para o tratamento de questões referentes à organizaçãotextual, funcionalidade, sociocognição, contexto sociocultural, tanto em situações de interaçãopresencial quanto virtual.

4-Análise de práticas de linguagem no campo do ensino

Análises de práticas de linguagem no processo de ensino-aprendizagem de línguas. Nestalinha, são desenvolvidas investigações, em diferentes perspectivas teóricas, relacionadas a:formação de professores; práticas avaliativas; análise/elaboração de material didático;aplicações das tecnologias digitais de comunicação, hipertexto, múltiplos letramentos, emultimodalidade.

Área de concentração: Literatura

Linhas de Pesquisa

1-Literatura, sociedade e memória

Estudo das relações entre a literatura e a formação social: processos de produção e recepçãoda obra literária. Texto literário e experiência vivida na interface da memória individual ecoletiva. Organização e análise de acervos documentais e literários, edição crítica de textos.

2-Literatura e Intersemiose

Estudo das relações entre literatura, outras manifestações artísticas, e as tecnologias dainformação e da comunicação. A noção de Arte e o entrecruzamento de linguagens, códigos erecursos. Análise dos desafios propostos pelos meios de produção, suportes e tecnologiasnascentes ou em progresso no mundo contemporâneo.

3-Literatura e Estudos Culturais/Pós-Coloniais

Estudo das representações culturais em textos literários. Cultura enquanto negociaçãodiscursiva de práticas, formas e relações de poder entre o local e o global, o passado e opresente. Formação das identidades e das diversas localizações (raça, etnicidade, classe,gênero, etc.) do sujeito e sua relação com a biota.

4-Literatura comparada

Estudo comparativo de textos literários no plano nacional e internacional com o objetivo deproblematizar semelhanças e diferenças entre estilos, épocas, movimentos literários, autores,temas específicos.



Área de Concentração:Processos de Retextualização

Linhas de Pesquisa

 1 – Tradução: práxis, historiografia e a circulação da comunicação: Linha depesquisa que contempla a prática, a investigação teórica, a historiografia e a circulação datradução de textos escritos, orais e viso-espaciais, literários ou não. A investigação dentrodessa linha de pesquisa é multidisciplinar, envolvendo diferentes teorias, estratégias emetodologias que possam dar conta da investigação de um sistema mundial complexo em quea tradução, artística ou não, assume um papel central para o fluxo e o intercâmbio deinformações na circulação da comunicação.

2 – Tradução: linguagem, cognição e recursos tecnológicos: Linha depesquisa que contempla projetos que lidam com os processos linguísticos e cognitivosdemandados ou implicados pela tradução e as tecnologias que assistem ou intermedeiam ofluxo de informações através de diferentes línguas e culturas por meio da tradução. Essa linhainclui, mas não se restringe a, projetos na área de ensino/aquisição de língua estrangeira,interpretação interlingual, localização, circulação da comunicação e a investigação e odesenvolvimento de tecnologias e ferramentas para a tradução assistida por computador etradução automática.



ÁREA de CONCENTRAÇÃO: Literatura Comparada

Linhas de pesquisa

 1 – Literatura/s, Linguagens e Outras Poéticas

A linha Literatura/s, linguagens e outras poéticas pretende abordar tópicos relacionados àliteratura e a outras linguagens. As pesquisas produzidas dentro dessa vertente pretendemcolocar em diálogo diferentes campos de estudo. Tal olhar fronteiriço diz respeito tanto aosobjetos pesquisados quanto às metodologias utilizadas. As pesquisas concentram-se emautores e em fenômenos literários canônicos, assim como em personalidades artísticas eexperiências estéticas externas ao cânone ocidental. O foco dos estudos realizados abrangeáreas como – entre outras – cinema, teatro, música popular, zooliteratura. No que diz respeitoàs metodologias, a análise literária poderá contar com o recurso de disciplinas tais quais asemiótica, a análise do discurso, os estudos da tradução, os estudos culturais, os estudos pós-coloniais, a eco crítica, os media-studies e a desconstrução.

2 – Literatura: Tradição e Inovação

A linha Literatura: tradição e inovação estuda as obras das literaturas de línguas modernas, emperspectiva comparativo-crítica, compreendendo os campos interdisciplinares das literaturasentre si, da literatura e outras artes, bem como da literatura e outros saberes. O foco deinteresse desta linha de pesquisa reside nas releituras e relações interdiscursivas dos textosliterários, considerando o jogo escritural entre a tradição e a inovação.

3 – Literatura, Mito, Outros Saberes

A linha Literatura, Mito,Outros saberes, volta-se ao diálogo da literatura com o mito, a atualidade deste em função daquela, numa articulação interdisciplinar com outros campos dosaber, tais como poéticas da voz ou da oralidade, escritura e oratura, ciências sociais,psicanálise, filosofia e performance. Interessa-nos pensar a hermenêutica do texto e da voz, aconexão, sem hierarquias e predileções, entre sistemas canônicos e não canônicos, as relaçõesentre texto e corporeidade e a reconfiguração do mito na tradição e na modernidade.

4 – Literatura e Ensino

A linha 4, Literatura e ensino, é voltada para a Literatura considerada como objeto deinvestigações didático-pedagógicas. Multidisciplinar, a linha convoca pesquisas que relacionemo ensino e a aprendizagem do objeto literário com as diversas vertentes da Teoria daLiteratura, Teoria da Recepção, Literatura Infanto-Juvenil, Teoria do Discurso, Poética,Retórica, Estilística, Interdiscursividade e Relações Intersemióticas, Teoria Cognitiva,Psicopedagogia, História do Ensino, História da Leitura, Políticas de Ensino, Formação do Cursode Letras, com especial atenção à Licenciatura, e outras correlatas. Interessam à linha 4questões como a fruição, o livro didático e a diversidade de suportes do texto literário, arelação com as diversas artes e formas de conhecimento, o letramento literário, a bibliotecaescolar, a acessibilidade, a memória e identidade, a representação da infância e daadolescência, as questões relacionadas ao gênero, à diversidade cultural diatópica ediacrônica, com ênfase nas contribuições culturais formadoras da multifacetada culturabrasileira, como a ameríndia, a africana e a ibérica, agregadas ou não sob a lusofonia, arecepção do cânone e as questões ideológicas inerentes às escolhas da práxis pedagógica.


Mestrado/Doutorado


ESTUDOS EM LINGUÍSTICA APLICADA

Linhas de pesquisa:

1- Estudos de Práticas Discursivas

2- Letramentos e Contemporaneidade     

3- Estudos em Linguística Aplicada-Letramentos e Contemporaneidade

4- Ensino e Aprendizagem de Línguas Estrangeiras

ESTUDOS EM LINGUÍSTICA TEÓRICA E DESCRITIVA

Linhas de pesquisa:

1- Variação e Mudança         

2- Discurso, Cognição e Interação     

3- Estudos Linguísticos do Texto

ESTUDOS EM LITERATURA COMPARADA

Linhas de pesquisa:

1- Literatura e Memória Cultural     

2- Poéticas da Modernidade e da Pós-Modernidade 

3- Leitura do Texto Literário e Ensino


Mestrado/Doutorado


A Área de Concentração do Programa é Teoria e Análise da organização linguística, contemplando duas Linhas de Pesquisa:

1- Aquisição, Desenvolvimento e Distúrbios da Linguagem em suas diversas manifestações: estudo dos diferentes aspectos e elementos envolvidos no processo de aquisição da linguagem; singularidades; desvios e distúrbios da linguagem.

2- Processos de Organização Linguística e Identidade Social: estudo das organizações do texto e do discurso com base nas contribuições da Análise da Conversação, da Linguística Textual e da Análise do Discurso; implementação de pesquisas e tecnologias em Ciências da Linguagem; papel da linguagem na construção do conhecimento e organização sócio-cultural; representação social nos discursos escolares e inclusivos.


Mestrado


Área de concentração: Linguagem e sociedade

Linhas de pesquisa:

1- Aquisição, variação e mudança linguística no português

Esta linha contempla as pesquisas de documentação, descrição e análise da aquisição, da variação e da mudança linguística de vários pontos de vista: histórico, social, regional e cultural. Inserem-se nesta linha os quadros teóricos da Sociolinguística, da Gramaticalização, da Etnolinguística, da Teoria Gerativa (sobretudo a abordagem da Sociolinguística Paramétrica), do Funcionalismo e de outras teorias da aquisição, da variação e da mudança. Em relação à aquisição, as pesquisas investigam a aquisição do português brasileiro como L2. No âmbito da sócio história, a consideração do espaço geográfico constitui-se uma abordagem inovadora. É considerada também documentação do material representativo do passado colonial baiano. Vários níveis deestruturação linguística são aqui contemplados: fonético-fonológico, morfológico, sintático, semântico, lexical e ortográfico. Também pertencem a esta linha trabalhos com variedades do português, como, por exemplo, a rural e a africana.

2- Práticas textuais e discursivas

Nesta linha, são contempladas as pesquisas nas áreas da Linguística/Filologia Textual e da Análise do Discurso, envolvendo a documentação, a descrição e a análise de dados da língua portuguesa. A relação entre diversos aspectos da língua e práticas textuais e discursivas tem lugar numa esfera sócio-histórica, pragmática e cultural que possibilita ampliar o debate sobre a relação linguagem e sociedade. Esta linha contempla também a análise de diversos gêneros textuais/discursivos bem como estudos sobre letramento, em sua interface com o ensino de língua.


Mestrado


ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: LINGUÍSTICA

LINHAS DE PESQUISA

1 - Descrição e análise de línguas naturais

Descrição e análise sincrônica ou diacrônica de propriedades fonético/fonológicas, morfológicas e sintáticas de uma determinada língua natural ou de fenômenos gramaticais específicos em diversas línguas naturais, com base em diferentes perspectivas teóricas das áreas e interfaces da Fonética e Fonologia, da Morfologia, da Sintaxe, da Semântica e Pragmática, da Sociolinguística, da Linguística História e da Linguística de Corpus.

2 - Aquisição e desenvolvimento da lingua(gem) típica e atípica

Estudo de aquisição e desenvolvimento da língua(gem) típica e atípica, com base em diferentes pressupostos teórico-metodológicos das áreas e interfaces da Aquisição da Linguagem, da Neurolinguística, da Psicolinguística. Lingua(gem), cérebro e cognição em sujeitos com afasia, neurodegenerescência, surdez, síndrome de Down, transtorno do espectro autista, fissura palatina e implante coclear.

3 - Texto, Significado e Discurso

Estudo do texto e diferentes gêneros textuais, do significado e do discurso, em diferentes esferas da atividade de língua(gem) humana, com base em diferentes pressupostos teórico-metodológicos das áreas e interfaces da Linguística do Texto, da Linguística Cognitiva, da Semântica e da Análise de Discurso.


Mestrado/Doutorado


Áreas de Concentração

Área 1 – Teoria e Análise Linguística

Linhas de Pesquisa

1-Diversidade e Mudança Linguística

Nesta linha de pesquisa, a variação linguística e a regularidade, nos mais diversos contextos de uso, são estudados sob as perspectivas sincrônica e diacrônica. Aspectos fonético-fonológicos, morfológicos, sintático-semânticos, discursivos e lexicais são avaliados sob abordagens formalistas e funcionalistas, contribuindo tanto para a compreensão dos mecanismos de variação como para os de mudança.

2-Linguagem, Sentido e Cognição

Os objetivos desta linha de pesquisa é reunir projetos que se dedicam ao estudo da significação, da relação entre língua, discurso, contexto e cognição, a partir de diferentes concepções teórico-metodológicas.

3-Aquisição de Linguagem e Processamento Linguístico.

Esta linha reúne pesquisas sobre dois campos interligados: o da aquisição da linguagem e o do processamento linguístico. No primeiro, a partir da perspectiva interacionista, interessa observar a aquisição e o desenvolvimento da fala, da escrita (letramento), e de línguas de sinais por surdos. Além disso, há também pesquisas em aquisição conduzidas sob a perspectiva inatista, a qual incide sobre o reconhecimento da gramática da língua materna. No segundo, a partir da perspectiva gerativista, interessam os estudos sobre compreensão e produção da linguagem de adultos através do processamento linguístico. Em ambos os campos, há também o interesse nos estudos sobre os chamados distúrbios ou patologias da linguagem.

 

Área 2 – Linguística e Práticas Sociais

Linhas de Pesquisa

1-Linguística Aplicada

Esta linha congrega estudos que focalizam processos de ensino-aprendizagem de línguas, investigações em torno de práticas de letramento, trabalho e formação socioprofissional, políticas linguísticas, bem como o impacto da história das ideias sobre a linguagem no ensino de línguas.

2-Discurso e Sociedade

Esta linha congrega estudos sobre a relação discurso, sujeito e sociedade a partir das seguintes perspectivas teórico-metodológicas: Análise de Discurso Francesa, Análise Crítica do Discurso, Análise Dialógica do Discurso, Linguística da Enunciação, Discurso Visual (Teoria da Multimodalidade).

3-Oral/escrito: práticas institucionais e não institucionais

Esta linha investiga textos orais, escritos e não verbais, dedicando-se a estudos de produções canônicas, não canônicas e das culturas populares que envolvem práticas de leitura e de escrita de textos.


Mestrado Profissional


Linhas de pesquisa

1-Estrutura e dinâmica da língua em atividades de aprendizagem

Esta linha de pesquisa reúne projetos e disciplinas que tratam de questões linguísticas aplicadas ao ensino. A ideia central é discutir como a Linguística, enquanto base teórica norteadora do Curso, pode contribuir para atividades aplicadas que sejam facilitadoras no cotidiano da parceria docente/discente. Esta linha congrega estudos que focalizam processos de ensino-aprendizagem de língua materna, tais como: práticas de letramento e de análise linguística; gêneros textuais; variação e mudança.

2-Teoria Linguística e Métodos

Esta linha de pesquisa se volta para questões teóricas da Linguística em diferentes facetas. Indo, portanto, dos aspectos descritivos aos aspectos aplicados, levando à reflexão de propostas que, ao longo dos estudos voltados para a língua, contribuirão para o amadurecimento teórico da área. Esta linha de pesquisa reúne projetos que se dedicam ao estudo da significação, da relação entre língua e discurso, identidade de gênero, de raça e de sexualidade, formação docente (avaliação e currículo), a partir de diferentes concepções teórico-metodológicas.

3- Tecnologias contemporâneas e ensino

Esta linha de pesquisa tem como objetivo estudar a Língua Portuguesa mediada por tecnologias e ambientes de aprendizagem alternativos, tendo em vista a aplicação dessas ferramentas no processo de ensino-aprendizagem. A linha se volta para os artefatos tecnológicos e o modo como os professores pesquisadores poderão subsidiar suas práticas, a partir do uso de multimídias, da construção e da aplicação de objetos de aprendizagem e de materiais instrucionais.


Mestrado/Doutorado


Área de concentração: Linguística

Linhas de Pesquisa

1-Aquisição, desenvolvimento e processamento da linguagem: estudo da aquisição, do desenvolvimento e do processamento da linguagem; investigação dos processos de compreensão e produção da fala e da escrita em seus aspectos linguísticos e cognitivos;

2-Descrição e análise linguística: estudo de questões e problemas de natureza fonológica, morfológica, morfossintática, lexicológica, lexicográfica, sintático-semântica e pragmático-discursiva, com base em corpora orais e escritos em língua portuguesa;

3-Práticas discursivas e estratégias de textualização: estudo das relações entre categorias da língua e categorias do discurso em situações de uso, a partir dos enfoques enunciativo, organizacional e sociointeracional, tratando, particularmente, da argumentatividade, dos processos de referenciação, das tipologias textuais e das práticas discursivas de feição institucional;

4-Linguística aplicada: Aplicação dos resultados da pesquisa desenvolvida pelas diferentes disciplinas linguísticas à resolução de problemas relacionados à produção, percepção, aquisição ou processamento computacional da linguagem natural, ao ensino/aprendizagem de línguas e à elaboração de dicionários, glossários e gramáticas pedagógicas.



Links